Se descobrindo II - Lamentações


Eu aqui, me sentindo tão sozinho paro pra pensar o quão a vida nos atropela e nos levanta, e que ao mesmo tempo em que eu não sou nada, eu posso ser tudo o que eu quiser... E que alguém no mundo acredita no que sou e onde posso chegar.


É uma confusão tão grande que o otimismo se transforma facilmente em ódio, e estes dois sentimentos se misturam em segundos em minha mente.


E eu continuo aqui, me lamentando, tentando esconder minhas fragilidades quando pareço forte, e tentando mostrar toda minha fortaleza quando na verdade quem mais precisa de apoio sou eu.


Este tem sido o problema: Acreditar mais nos outros do que em si próprio, pensar que todos merecem algo especial, e eu não. Pensar que todos têm motivos para sorrir, pois são merecedores, e eu não.


O céu parece abrir, e uma cratera que leva ao fundo dela a dor eu caio como um grão de areia, e suplico na escuridão para que um dia alguém me tire dessa ruína, que alguém me socorra deste profundo poço de desilusões, deste abismo que chamo de ‘Próprio Medo’.


Porém enquanto existir a esperança ainda haverá o amor.


Entre tantas pessoas e vidas sofridas, aqui estamos nós, sofrendo também e aprendendo a difícil lição da vida. E entre cada problema diferente continuamos a lamentar a cada dia.


Tudo é um processo humano da evolução na incansável busca da paz. E até quando você vai se lamentar? Acorda pra ver que não chegará a lugar algum com pensamentos e ações negativas que fizestes a si próprio, e que a mente é seu maior fabricante de idéias, oficina de atos, paradeiro de loucuras.


A vida tem a cor de cada um quem a faz, e você é totalmente responsável pela sua paleta de cores.


Pode ser que esta seja sua última chance, e deixar passar momentos únicos na qual você pode aprender MUITO, e é um erro, um equívoco que pode até significar em repetições futuras.


Comentários

  1. "Tudo é um processo humano da evolução na incansável busca da paz. E até quando você vai se lamentar?"

    Já é tempo de tirar o próprio véu... Aceitar que por mais dolorido que seja, é muito mais doce!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Clareza na idéia : Tempo

Se descobrindo 1

Palavras soltas